marcas
  • Home
  • Destaque
  • Copia e cola: Deputada Kátia Oliveira leva para a ALBA Projeto de Lei de autoria do vereador Sandro Moreira
Destaque Notícias Simões Filho

Copia e cola: Deputada Kátia Oliveira leva para a ALBA Projeto de Lei de autoria do vereador Sandro Moreira

A deputada estadual Kátia Oliveira (MDB) propôs ao governador Rui Costa (PT) a criação de uma “Casa Abrigo” para acolher mulheres ameaçadas ou vítimas de violência doméstica no município de Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador (RMS).

Pela proposta, a instituição deverá ter capacidade para receber pelo menos 50 mulheres. A ideia da parlamentar é que a iniciativa se torne uma política pública e seja ampliada para todo o estado. Kátia apenas esqueceu de mencionar que a “Casa Abrigo” já é um projeto de Lei sancionado no município, de autoria do vereador e líder da bancada de oposição, Sandro Moreira (PSL).

Trata-se da lei 1064/2018, que institui no Município de Simões Filho o projeto “CASA ABRIGO” destinado a acolher mulheres de todo o município, vitimas da violência ou cuja integridade física e/ou psicológica corra riscos de qualquer natureza.

A Lei Municipal foi publicada no diário oficial do dia 30 de abril de 2018, depois de ter sido aprovada por unanimidade na Câmara de Vereadores.

Em entrevista ao Tabuleiro Baiano por telefone, no fim da tarde desta quarta-feira (26/06),o autor do projeto, vereador Sandro Moreira declarou estar surpreso com a indicação da deputada.

“Me causou uma certa estranheza a deputada levar para o governador uma solicitação minha, que inclusive já é um Projeto de Lei no município e que obrigatoriamente terá de ser Executado. Mas para mim não importa de que maneira, ou através de quem o projeto seja realizado, o importante é que ele seja posto em prática e que as mulheres do nosso município possam efetivamente contar com mais esse equipamento público”.

Sandro revelou ainda que havia por parte do também deputado Eduardo Alencar (PSD), o interesse em levar a sua reivindicação ao governador, e que inclusive um pedido teria sido formalizado junto à Comissão da Mesa Diretora da ALBA, mas, já que a deputada resolveu se antecipar, resta agora esperar que a solicitação seja atendida

LEIA TAMBÉM

Pesquisa de cientista baiano pode ajudar plantas a sobreviverem na seca

Redação

Alemanha deve estender lockdown até fim de fevereiro, diz jornal

Redação

Não abrimos mão da vice de Bruno Reis, diz Márcio Marinho

Raniel

DEIXE UM COMENTÁRIO