marcas
  • Home
  • Notícias
  • Brasil
  • “Tô na mão do partido [PDT]”, diz Alex Santana sobre futuro, após voto a favor da reforma da Previdência
Brasil Destaque Política

“Tô na mão do partido [PDT]”, diz Alex Santana sobre futuro, após voto a favor da reforma da Previdência

O deputado federal Alex Santana (PDT) disse estar “na mão do partido”, em entrevista ao BNews nesta quarta-feira (7), após sessão na Câmara Federal que aprovou em segundo turno a reforma da Previdência. Apesar da suspensão partidária e possibilidade de expulsão, o parlamentar manteve o voto a favor da proposta.

“Eu tô na mão do partido. […] Aí, a bola, agora, não tá mais comigo, não. A bola agora tá com o partido”, afirmou.

Alex entregou a defesa no Conselho de Ética da sigla na última segunda-feira (5). “Eu tô em paz. A melhor coisa na vida do ser humano é quando você faz a coisa com convicção e firmeza; convicção das suas decisões. Quando você tem convicções e firmezas, você tá em paz. Respeito muito o partido, a direção do partido, tenho uma relação muito boa com eles, mas a decisão não cabe a mim, cabe a ele [partido]”, ressaltou.

O parlamentar ainda contou que o líder do PDT na Câmara dos Deputados, André Figueiredo, pediu a ele, na terça-feira (6), para mudar voto, mas ele se recusou. “Tenho uma relação muito boa com ele no partido. Fui pedido ontem, pra mudar de voto, mas disse a ele que não tinha condições. 45 min do segundo tempo você mudar o voto …você não agrada a base eleitoral, nem ao partido”, justificou.

Ele revelou que deve votar os destaques da reforma acompanhando o partido. A Câmara deve votar oito destaques nesta quarta, que retiram trechos da proposta principal.

Todos os oitos deputados do PDT que votaram a favor da reforma da Previdência no primeiro turno manteram suas posições, apesar das pressões.

LEIA TAMBÉM

Proposta de interromper recesso tem adesão de 3% da Câmara, diz coluna

Raniel

É dia 06 domingo!!!!

Redação

ACM Neto critica omissão da Via Bahia e da Embasa em comunidade de Valéria

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO