marcas
  • Home
  • Bahia
  • Presidente do PDT se irrita com Tabata por projeto que organiza estrutura de partidos
Bahia

Presidente do PDT se irrita com Tabata por projeto que organiza estrutura de partidos

Deputada federal pode ser expulsa do PDT

Foto: Leonardo Prado/Agência Câmara
Foto: Leonardo Prado/Agência Câmara

 

O presidente do PDT, Carlos Lupi, mostrou irritação com o projeto de lei feito por Tabata Amaral, do seu partido, para reformar a organização partidária.

A proposta está sendo elaborada por sete deputados federais, entre eles membros do PDT e PSB que ficaram contra a orientação de suas legendas e votaram a favor da Reforma da Previdência.

“Em vez de ser um Acredito, com seis, sete membros, deviam acreditar mais em um partido, em uma instituição ou quiçá fundar uma”, falou Lupi à Época.

“Podiam fazer um modelo, um partido democrático que ouvisse todos e abarcasse todas essas questões que eles colocam que não existem nos outros. Por que não dar o exemplo?”, questionou o presidente do PDT.

Vale lembrar que Tabata está entre os membros do PDT que podem ser expulsos da legenda por terem votado a favor da reforma da previdência.

LEIA TAMBÉM

Empresários apresentam proposta de investimento de R$ 1 bilhão na região nordeste

foconanews

João Leão apresentará projeto da ponte Salvador-Itaparica na CMS

Redação

Ação em São Gonçalo dos Campos apreende R$119 mil em rinha de galo profissional

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO