marcas
  • Home
  • Destaque
  • Após conflito senadora decide deixar o partido de Bolsonaro
Destaque

Após conflito senadora decide deixar o partido de Bolsonaro

Selma Arruda afirmou pressão do partido para votar contra CPI Lava Toga

Foto: Pedro França/Agência Senado
Foto: Pedro França/Agência Senado

 

A senadora Selma Arruda anunciou que vai deixar o PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro. “São coisas graves, é uma pressão que vem de todo lado e é por isso que eu vou sair”, afirmou ao Estadão.

Selma também afirmou que já tem novo destino e data para ser acolhida. “Na próxima quarta-feira (18) vou me filiar ao Podemos”, garantiu ela, que escolheu a sigla do candidato derrotado à Presidência da República no pleito de 2018 Álvaro Dias.

LEIA TAMBÉM

Palmeiras é eliminado e abandona o sonho de conquistar o Mundial de Clubes

Raniel

Ponte Salvador – Itaparica: entrou água

Raniel

Governo entrega novas instalações de colégio estadual em Paramirim

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO