marcas
EC Bahia Esportes

Bahia muda estratégia para tentar surpreender o São Paulo

Oponentes na Copa do Brasil, Bahia e São Paulo vão se enfrentar três vezes nos próximos dez dias. E para começar a melhor de três,nesta domingo, 19, às 11h, pela Série A, as duas equipes vão testar alternativas – táticas ou de atletas – e tentar surpreender.

O Esquadrão vai colocar em campo três volantes, em um 4-3-3 que tende a liberar mais os pontas Élber e Artur, sem que eles precisem ter funções tão rigorosas de marcação. De quebra, o técnico Roger deve explorar mais as falhas defensivas nas laterais do clube paulista.

Este setor, inclusive, deve sofrer grandes mudanças no São Paulo. Insatisfeito com o trabalho de Igor Vinícius na direita, o técnico Cuca deve jogar com Hudson improvisado. Do lado oposto, Reinaldo deve ser poupado, dando lugar a Léo, que esteve no Fazendão no ano passado.

Aliás, se o ex-Bahia entrar em campo, cada equipe terá como titular um velho conhecido da torcida rival — do lado do Esquadrão, há Gilberto, que passou pelo Morumbi entre 2016 e 2017. Embora Roger não tenha garantido a titularidade do centroavante, suas palavras ‘entregaram’ a escolha. “Ele tem essa característica: mobilidade para sair da área, não ser só o finalizador, mas auxiliar na construção da jogada”, afirmou.

Objetivo é ganhar meio-campo

Em entrevista coletiva realizada no Fazendão, o treinador Roger Machado explicou suas intenções com a alteração tática: ter o domínio do setor intermediário do gramado, sem tornar o time retrancado por isso.

“É preciso diferenciar posição, característica e função. (…) Quando se propõe abrir três jogadores com forte capacidade de receber e recuperar a bola no meio-campo, é para tentar ter controle de meio-campo maior. Nos jogos fora de casa não conseguimos ter”, afirmou.

SÃO PAULO X BAHIA – 5ª RODADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO DA SÉRIE A

Local: Estádio Morumbi, em São Paulo (SP)
Quando: Domingo, 19, às 11h
Árbitro: Daniel Nobre Bins
Assistentes: Elio Nepomuceno e Maurício Coelho (trio do RS)
 
São Paulo – Tiago Volpi; Hudson (Igor Vinícius), Bruno Alves, Walce e Léo; Tchê Tchê, Liziero, Hernanes (Everton) e Antony, Toró e Pato. Técnico: Cuca.
 
Bahia – Douglas; Ezequiel, Ernando, Lucas Fonseca e Moisés; Gregore, Elton, Douglas Augusto e Élber; Artur e Gilberto. Técnico:  Roger Machado.
Fonte: Atarde

LEIA TAMBÉM

Silvana Lima conquista vaga para estreia do surfe nas Olimpíadas de Tóquio-2020

Redação

Palmeiras mira contratação de Ramires, volante do Bahia

Redação

Bahia fecha acordo e pode faturar R$ 30 mi com venda de Ramires

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO