marcas
  • Home
  • Bahia
  • Isidório diz que votou contra reforma porque ‘acordo não foi cumprido’
Bahia Destaque

Isidório diz que votou contra reforma porque ‘acordo não foi cumprido’

“O acordo que foi prometido não foi cumprido e eu estou vendo é desrespeito ao povo nordestino e baiano”, disse

Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

 

O deputado federal Pastor Sargento Isidório (Avante) justificou sua mudança de voto no segundo turno, que acabou aprovando o texto-base da reforma da Previdência, na Câmara dos Deputados, na terça-feira (6).

O parlamentar, que votou favorável à reforma no primeiro turno, afirmou em uma coletiva de imprensa, que passou a ser contra o texto-base porque o acordo prometido pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, de fazer um “pacto federativo” com o nordeste não foi cumprido.

“Quem vota sim e quem vota não, vota com consciência. Existem as emendas, isso não vai para o bolso dos parlamentares. Onde eu errar, tenho que voltar atrás. O acordo que foi prometido não foi cumprido e eu estou vendo é desrespeito ao povo nordestino e baiano”, afirmou.

“Eu conversei, durante o recesso parlamentar, e meu povo não gostou, ficou revoltado com o meu voto sim. Tenho que ouvir a voz do povo. Essa reforma da Previdência prejudica os mais necessitados, os mais carentes”, justificou .

Isidório ainda criticou a postura do presidente Jair Bolsonaro.

“Se o presidente não ouvir os generais, os pastores, a bancada evangélica, ele vai acabar entregando a faixa presidencial para um paraíba. Tomara que seja o governador Rui Costa, que governa muito bem a Bahia”, disse

LEIA TAMBÉM

‘Tô na Área’ leva iluminação em LED, serviços e obras ao Alto das Pombas

Redação

Bolsa Família corta cerca de 200 mil benefícios em julho

Redação

Dez clubes do Brasileirão estão inscritos na Dívida Ativa da União e do FGTS

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO