marcas
  • Home
  • Destaque
  • Mutirão da Saúde atende reeducandos do Conjunto Penal Lauro de Freitas
Destaque Lauro de Freitas

Mutirão da Saúde atende reeducandos do Conjunto Penal Lauro de Freitas

Internos do Conjunto Penal Lauro de Freitas, localizado em Areia Branca, participaram na manhã desta segunda-feira (26) da primeira edição do projeto “Cuidando de Mim”, desenvolvido pela administração da unidade em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Lauro de Freitas (Sesa). A ação, que se repete nesta terça-feira (27), deve realizar consultas e exames em mais de 400 custodiados nestes dois dias.
No pátio da unidade, os atendimentos eram realizados com consultas médicas, odontológicas, aferição de pressão arterial, glicemia, testes rápidos para HIV, Siflis e Hepatite, vacinação para sarampo, febre amarela e DT (tétano e difteria). “Além dos serviços colocados durante estes dois dias aqui no Conjunto nós também vamos avaliar as demandas triadas neste mutirão e realizar exames mais complexos como ultrassons e raio x no Hospital Municipal Jorge Novis. Além dos exames, os detentos poderão ter acesso a especialidades medicas, como urologista, oftalmologista, otorrino, neurologia, angiologia e outros”, destacou o secretário Vidigal Cafezeiro.
De acordo com a coordenadora executiva da Sesa, Elisa Daltro, a Secretaria disponibilizou médicos, assistentes sociais, enfermeiros e técnicos de enfermagem além de insumos para a realização do mutirão. “Trabalhamos em regime de cooperação estado e município prestando assistência a essas pessoas. A maioria aqui está em regime semiaberto em processo de reeducação. Esse é o momento importante para ressocialização, já que eles poderão voltar a conviver em sociedade e já saem com seus exames para poder voltar ao mercado de trabalho”, pontuou.
Além da atenção à saúde, o projeto Cuidando de Mim oferece serviços jurídicos e atendimento com assistentes sociais. “O projeto tem como objetivo proporcionar a promoção do autoconhecimento, ajudando os reeducandos a se autoavaliarem em busca da restauração pessoal. A ressocialização começa de dentro para fora”, frisou a coordenadora do projeto, Ana Reis. Para o diretor do Conjunto Penal, Archimedes Benicio, “todos os profissionais envolvidos neste projeto trabalham de maneira a fazer com que cada reeducando descubra as motivações de suas atitudes e a razão de comportamentos destrutivos e compulsivos, mesmo que estas tenham causados sérios danos a outros, podendo assim reavaliar-se e repensar seu modo de vida”, disse.

LEIA TAMBÉM

Major é condenado a 15 anos de prisão por feminicídio; ele atirou seis vezes contra esposa

Redação

WhatsApp nunca será seguro’, ataca criador do Telegram

foconanews

Programa leva conhecimento e educa��o em sa�de � Escola Municipal Santa J�lia10/09/2019 18:02 Foto:Rafael Magno Os estudantes da escola Municipal Santa Júlia, localizada na Itinga, tiveram uma manhã diferente nesta terça-feira (10). No pátio da unidade, a Secretaria Municipal de Saúde (Sesa) de Lauro de Freitas levou ações do Programa Saúde na Escola (PSE), com foco na promoção, prevenção e atenção à saúde dos alunos da rede pública de ensino. Mais de 200 colegiais da educação básica participaram da interação que ensinou desde a importância da alimentação saudável a noções de primeiros socorros com palestra da SAMU 192. A coordenadora executiva da Sesa, Elisa Daltro, explica que o PSE integra as políticas de saúde e educação voltadas às crianças e adolescentes da educação pública no intuito de promover bem estar e inserir os jovens na comunidade como agentes multiplicadores. “O objetivo é reforçar a promoção da saúde e prevenção de doenças entre os estudantes e construir uma cultura de cuidados voltados desde a alimentação adequada à praticas de esportes regulares. O programa acredita que quanto mais cedo o indivíduo atentar para isto as chances de desenvolvimento de doenças causadas pela obesidade, sedentarismo e má alimentação são reduzidas”, disse. Diante de uma mesa repleta de alimentos ilustrativos, a pequena Ana Lívia, de 10 anos, aprendeu sobre nutrição e a importância de um cardápio variado. “Quanto mais cores no prato melhor”, disse. Já sua colega, Sofia Santos disse que vai tentar experimentar alimentos que diz não gostar. “Eu vou tentar comer mais verduras e legumes. Não gosto, mas vou tentar conhecer mais variedades”, contou afirmando ainda que deixará as guloseimas para finais de semana. “Biscoitos recheados só de vez em quando”, frisou sorrindo. Empolgados com a presença da equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), os meninos do sexto ano disputaram para conseguir a oportunidade de ser voluntário por um dia. Debruçados sobre bonecos, que representavam corpos adultos, infantis e de recém-nascidos eles aprenderam mais sobre a importância de não se fazer trote para o serviço e de como isso pode prejudicar o salvamento de quem precisa do atendimento. Conheceram também os canais de interação com o SAMU e a execução da manobra de Heimlich. Além das abordagens realizadas com fisioterapeutas para conhecimento motor, a ação levou ao Santa Júlia atualização do calendário vacinal com doses de tríplice viral, HPV, varicela (DT) e atualização do peso para o Programa Bolsa Família

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO