marcas
  • Home
  • Bahia
  • Polícia não indicia Neymar por estupro por falta de provas
Bahia Destaque

Polícia não indicia Neymar por estupro por falta de provas

Neymar não será indiciado por estupro no caso com a modelo Najila Trindade. A delegada Juliana Lopes Bussacos, da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, concluiu o inquérito na tarde desta segunda-feira, 29, por falta de provas, sem acusar o jogador pelo crime. Ela tomou a decisão após ouvir mais de dez pessoas envolvidas

No último dia para a conclusão do inquérito, no início do mês, a Polícia Civil solicitou um prazo maior para as investigações. Juliana queria analisar as imagens das câmeras do hotel em Paris, onde aconteceu o encontro entre Neymar e Najila, e fez o pedido por meio do Ministério da Justiça, mas não recebeu as imagens. Mesmo assim, ela decidiu encerrar a investigação sem indiciar o jogador.

A delegada vai conceder uma coletiva de imprensa no Departamento de Polícia Judiciária da Capital (Decap), às 11h desta terça-feira, para falar sobre o caso

LEIA TAMBÉM

Pandemia deixa mais da metade das mulheres fora do mercado de trabalho

Redação

Deputada apoiadora de Trump é banida da Câmara dos EUA após difundir conspirações

Redação

Mais avanço! Santa Bárbara vai contar com posto do DETRAN

Raniel

DEIXE UM COMENTÁRIO