marcas
  • Home
  • Política
  • Rui Costa afirma que se não cortasse salários de professores, poderia parecer “férias”
Política

Rui Costa afirma que se não cortasse salários de professores, poderia parecer “férias”

O governador do estado, Rui Costa (PT) afirmou nesta terça-feira (28), que caso não tomasse a atitude de cortar os salários dos professores grevistas, poderiam parecer que eles estavam de “férias”.

O governador disse também que com o fim do movimento paredista, o governo deve sentar para redefinir as aulas nas instituições e a reposição salarial. Ele voltou a defender que os professores baianos recebem mais do que docentes de instituições federais e ressaltou ainda um acordo firmado com técnicos e analistas de universidades.

LEIA TAMBÉM

Simões Filho: Morador faz desabafo contra o prefeito Dinha; “prometeu e estamos na lama

Redação

Prefeito é condenado pelo TJ-BA e terá que devolver mais de R$ 81 mil para Câmara

Redação

Eleição para presidência do PT em Salvador termina em confusão

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO